“Conhece-te a Ti Mesmo!” Uma Jornada pelo Autoconhecimento

01

O que você faz por seus amigos? Eles costumam retribuir sempre esse seu carinho e atenção? Quando não é retribuído, você se sente decepcionado? Pois saiba que existe um amigo que jamais te decepcionará e fará sempre o melhor para você. Este amigo é você mesmo, talvez você não tenha dado a devida atenção a esta amizade nos últimos tempos, porém ela é fundamental em sua vida, afinal, como ser amigo do mundo se você não for amigo de si próprio? Por isso é tão importante o autoconhecimento.

Vivemos em uma sociedade muito adoecida, na qual supervalorizamos o material, fazendo com que nos submetamos a todo tipo de coisa possível e imaginável que nos afasta daquilo que realmente importa: o SER. Tudo isso enquanto somos bombardeados por todos os lados por campanhas mal intencionadas que tentam de toda a maneira fazer com que nos sintamos diminuídos, sem a menor noção de quem somos realmente.

Por isso é muito comum que as pessoas de nosso convívio enfrentem inúmeros problemas com sua própria imagem e problemas emocionais, também não é incomum que você lute contra alguém que disser algo ruim de seus amigos e família, mas você nunca deve se esquecer de lutar por si mesmo! Um dos primeiros passos para isso é dominar o autoconhecimento.

Dominando o Autoconhecimento:

O autoconhecimento consiste no ato de adquirir o entendimento daquilo que nós somos e também daquilo podemos nos tornar. A célebre frase “Conhece-te a ti mesmo” que está gravada no templo de Apolo em Delfos, Grécia, já indica uma preocupação com este tipo de conhecimento desde a antiguidade, apesar disso ainda não havia muitas ferramentas para que este processo ocorresse.

Durante a maior parte da nossa história, havia pouquíssimo conhecimento do comportamento humano visto como ciência. Com o passar dos anos, a física atômica nos ofereceu grandes informações e também revelou segredos acerca da energia da vida, fazendo com que hoje saibamos muito mais do que um dia chegamos a sonhar.

Claro que não é necessário o domínio da física atômica para dominar o autoconhecimento, porém é preciso conhecer um pouco que seja sobre o objetivo da vida em geral e de seus próprios objetivos particulares.

O objetivo geral da vida se dá em muitas perguntas: “Quem somos? De onde viemos? Para onde vamos?”. Tendo um pouco de entendimento sobre isso, torna-se mais possível saber sobre leis básicas que influenciam em nossos próprios comportamentos, objetivos e desejos.

Tomando conhecimento e entendimento sobre as respostas fundamentais, os problemas do dia a dia tornam-se muito simples. A humanidade sempre buscou arduamente entender os motivos de sua existência, na era atual já possuímos um número muito mais elevado em termos de conhecimento em comparação a épocas passadas, o que torna possível a exploração e a descoberta da lei fundamental da vida.

Imagine ter esta lei fundamental em mãos, não ficaria muito mais fácil compreender todos os enigmas e mistérios da nossa existência? Também facilitaria a compreensão sobre os múltiplos tipos de personalidades e comportamentos humanos, o que isso não traria respostas sobre nós mesmos?

Dominar o autoconhecimento poderá com certeza trilhar os caminhos da jornada mais incrível de sua vida: A Jornada do “Eu”.

A Dianética é a ciência da mente e mostra como ela funciona, para saber mais acesse http://www.dianeticabrasil.com.br/artigos/ e confira artigos que irão te auxiliar em todas as suas jornadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *